Casadinhos

domingo, 28 de março de 2010

Hoje é um daqueles dias em que tudo parece estar opaco....
engraçado que dias atrás embora o clima fosse praticamente o mesmo, eu conseguia ver as cores em todas as suas nuances por onde eu passava.
Então uma pergunta: será que é um complô da natureza, que resolveu tirar as cores de tudo? ou será que simplesmente eu ando pensando demais e agindo de menos... aliás como sempre funciono em casos de dúvida extrema?
porque será que para algumas pessoas é tão difícil tomar uma decisão? e largar coisas ou pessoas que não acrescentam nada ou muito pouco na sua vida?
Eu costumo dizer que pra eu tomar uma decisão, só se em uma enchente, a "água tiver batendo na bunda".
Isso é muito fofo se você tem de 12 a 19 anos.... mas aos 31 passa a ser no mínimo falta de amor-próprio...

Então já que a confusão continua, só me resta retornar a vidinha de ontem rsrsrsrs
e ouvir minhas velhas músicas... pra começar:

Olhos vermelhos (Capital inicial)

Os velhos olhos vermelhos voltaram Dessa vez
Com o mundo nas costas E a cidade nos pés
Pra que sofrer se nada é pra sempre?
Pra que correr, se nunca me vejo de frente

Parei de pensar e comecei a sentir
Nada como um dia após dia
Uma noite, um mês
Os velhos olhos vermelhos voltaram de vez

Os velhos olhos vermelhos enganam Sem querer
Parecem claros, frios, distantes
Não têm nada a perder
Por que se preocupar por tão pouco?
Por que chorar, se amanhã tudo muda de novo?

Parei de pensar e comecei a sentir
Nada como um dia após dia
Uma noite, um mês
Os velhos olhos vermelhos voltaram de vez


Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou?